A definição de bolha não existe por mais que os economistas a tentem explicar. Para nós, Current Crypto, a Bitcoin é uma nova classe de activo, uma inovação tecnológica que vem preencher o vazio no actual sistema financeiro. Há quem diga que é a maior inovação no sistema financeiro dos últimos 500 anos. Estamos rumo a uma nova era, a da descentralização financeira. Muitos daqueles que a chamam de bolha fazem-no por esta ir contra os seus interesses, fazem-no por medo. Na verdade não é mais que a possibilidade de cada pessoa ser o seu próprio banco, é esse o potencial da bitcoin, logo tem fundamento por detrás do seu valor ao contrário do que muitos economistas apontam.  Um aumento rápido no preço não constitui uma bolha. Escolhas baseadas na ação humana individual por participantes do mercado é que causa que o preço de um activo flutue de preço. As mudanças podem ser derivadas de uma perda ou ganho de confiança. A cobertura da imprensa estimula esse medo ou  confiança.
Não é ilegal apesar de não ser um produto totalmente legislado. As pessoas que a utilizam é que por vezes podem dar uma natureza ilegal; compras no mercado negro e lavagem de dinheiro são alguns exemplos, mas da mesma maneira que o Bitcoin é utilizado para essas atividades ilícitas as moedas fiat também o são, sendo o dólar a moeda mais utilizada nessas actividades. Tudo depende da ética humana.
De momento não existe como tributar os ganhos com criptomoedas, excepto, se este ganho for em actividade empresarial. Informação presente no artigo nº5717/15 27 de novembro de 2016 a qual poderá verificar que nenhum dos ganhos se podem enquadrar em qualquer das categorias de rendimentos presentes na lei Portuguesa. O Requerente solicitou a emissão de uma informação vinculativa na qual questiona o enquadramento fiscal dos rendimentos que obtém com a compra e venda de cripto-moeda. A AT vem indicar que as cripto-moedas poderiam gerar diferentes tipos de rendimentos tributáveis:
  1. Por ganhos obtidos com compra e venda de unidades monetárias virtuais/ troca ao câmbio do momento de cripto moeda por moeda real;
  2. Por obtenção de comissões pela prestação de serviços relacionados com a obtenção ou curso normal da cripto-moeda;
  3. Por ganhos derivados de vendas de produtos ou serviços
DELIMITAÇÃO DE ÂMBITO DA RESPOSTA DA AT: Ganhos obtidos com compra e venda de unidades monetárias virtuais/ troca ao câmbio do momento de cripto moeda por moeda real. EM QUE TIPO DE RENDIMENTO PODE SER ENQUADRADO?
  • Rendimentos de Capitais (Categoria E) – Sendo os rendimentos decorrentes da alienação da cripto-moeda, não podem tais rendimentos ser qualificados como fruto jurídico, não podendo portanto ser tributados em sede rendimentos de capitais.
  • Incrementos Patrimoniais – Mais-Valias (Categoria G) – Nos termos do artigo 10.o do CIRS, haverá tributação de rendimentos que resultem de alienação de determinadas bens ou direitos expressamente elencados no mesmo artigo.
  • Neste caso a AT entende que a cripto-moeda não é nem um bem, nem um direito, pelo que não consta no elenco e não pode, consequentemente ser tributado no âmbito da Categoria G.
  • Rendimentos decorrentes do exercício de uma atividade comercial (Categoria B) – A AT entende que podem ser tributados os rendimentos resultantes de cripto-moeda se forem auferidos em função do exercício de uma atividade.
  • O exercício da atividade apura-se pela sua habitualidade e pela orientação da atividade à obtenção de lucros.
Conclui-se que a venda de cripto-moeda não é tributável face ao ordenamento fiscal português, a não ser que pela sua habitualidade constitua uma atividade profissional ou empresarial do contribuinte, caso em que será tributado na categoria B. RENDIMENTO SUJEITO A IRC Artigo 3.o /1, al. a) do Código do Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Coletivas
  1. O IRC incide sobre: a) O lucro das sociedades comerciais ou civis sob forma comercial, das cooperativas e das empresas públicas e o das demais pessoas coletivas ou entidades referidas nas alíneas a) e b) do no 1 do artigo anterior que exerçam, a título principal, uma atividade de natureza comercial, industrial ou agrícola;
Um esquema ponzi é uma operação de investimento fraudulenta que paga aos seus investidores com seu seu próprio dinheiro ou com o dinheiro de investidores seguintes. Os esquemas Ponzi são feitos para entrar em colapso quando os últimos investidores deixarem de obter novos clientes. Bitcoin é um projeto de software gratuito sem autoridade central consequentemente ninguém está em posição de realizar representações fraudulentas sobre o retorno dos investimentos. Como qualquer outro activo financeiro a taxa de troca flutua livremente, isto leva-nos a volatilidade, onde proprietários de podem imprevisivelmente ganhar ou perder capital. Bitcoin também é uma forma de pagamento competitiva que está sendo utilizada por usuários e negócios.
É um projeto na blockchain que distribui tokens ou moedas gratis para a comunidade, o intuito é dar a conhecer o projeto e atrair potenciais investidores. É uma estratégia de marketing por parte da companhia. Após o registo para receber as crypto do Airdrop unicamente precisa ter movimentos/moedas em sua carteira, isto é, usar uma carteira compativel com ERC-20, ERC-223 que nela tenha movimentado BTC, ETH ou NEO. Outro requisito que pode ser necessário para usufruir do airdrop é fazer publicidade através dos bounty programs. É uma estratégia de marketing. Para receber os tokens da Airdrop em segurança é necessário utilizar uma carteira compatível com o Standard ERC-20 ERC-223, uma smart-wallet. Algumas das wallets que são compativeis com Tokens ERC-20 ERC-223:
  • MetaMask (add-on para o Chrome e Firefox)
  • MyEtherWallet (Web Wallet, não é necessário fazer Download)
  • Mist (Desktop)
  • Parity (Desktop)
  • imToken (Iphone e Android)
  • Trust (Iphone e Android)
  • Cipher (Iphone e Android)
Todos os airdrops tem um conjunto de regras diferentes. Sugerimos que crie uma conta no fórum Bitcointalk para poder candidatar-se aos airdrops que exigem, entrar em contato com um membro da equipa. O airdrop da Ethereum Dark é um bom exemplo para este formato. Todas as pessoas que desejavam candidatar-se ao airdrop da ETHd tiveram que contactar directamente a equipa com seu endereço ETHd para obter os tokens. Os "novatos" no fórum são muitas vezes rejeitados, por isso sugerimos que publique de vez em quando de modo a obter uma classificação mais alta. Outros requerem retweets no Twitter, geralmente é precisa de um número mínimo de seguidores. Certifique-se que tem contas nas redes sociais ativas para serem elegíveis para esses tokens gratuitos. Verifique as carteiras regularmente para ver se você recebeu as recompensas. Plataformas como a Waves e a Komodo emitiram airdrops para os titulares sem qualquer  anúncio. Se é um investidor que possui um portfólio diversificado é provável que receba mais e mais moedas.
Não está a comprar qualquer crypto ou produto, na realidade você é o produto. Com o sucesso da adesão de possíveis investidores o projeto cria o token atraindo  assim mais pessoas para o projeto. Isso dá origem a uma valorização, é o efeito de doação. Airdrops criam uma comunidade,  uma rede de pessoas que possuem os tokens. Grande parte dos tokens é da propriedade do “developer”, outra grande parte é da propriedade de pessoas que se juntaram a pré-venda e uma parte razoável pertence a pessoas que investiram na ICO.  Possíveis desenvolvimentos de criptografia podem ser projetos que começam a receber tokens para usuários que possuem tokens Em projetos que se sobrepõem ou têm alguma sinergia. Podemos também ver projetos encorajadores Outros projetos para transmitir seus proprietários token e receber algum benefício em troca. Como já vimos acontecer nas plataformas Ethereum, Waves, NXT e Komodo.
Após receber os tokens do airdrop terá que aguardar até que estes estejam abertos para negociar numa exchange, pois normalmente passam pela fase pré-ico e ico, o que origina a uma procura maior e consequente valorização.
Os que podemos chamar de exclusivos são muitas vezes divulgados em meios privilegiados que muitos desconhecem devido a pouca formação e informação em criptomoedas. A Current Crypto organiza e analisa arduamente todos eles, desde a primeira fase até o final da ICO. Iremos também dar updates no estado de desenvolvimento até o lançamento total do produto/serviço para o qual a ICO foi criada. Informando todos os nossos utilizadores das possíveis oportunidades de mercado mais ou menos vantajosas.
A maneira mais segura de armazenar as moedas  é numa hardware wallet  ou carteiras de armazenamento. Pode assim armazenar as suas moedas sem serem pirateadas. Existem várias carteiras de hardware disponíveis. Recomendamos usar o Ledger Wallet Nano S ou Trezor . Nem todas as moedas podem ser armazenadas em carteiras hardware. Recomendamos que armazene nas carteiras onde controle as suas chaves privadas. Para evitar fraudes há algumas regras gerais:
  • Nunca dê as suas chaves privadas!
  • Use Autenticador de 2 fatores em suas carteiras
  • Nunca clique em links redirecionando para carteiras
  • Não use o seu endereço de e-mail principal para solicitar airdrops
  • Não utilize senhas iguais
  • Não envie pequenas quantidades de cripto para receber Airdrop
A capitalização de mercado é uma forma de classificar o tamanho relativo de um activo. É calculado pela multiplicação do preço pela oferta em circulação . Como a oferta em circulação é comprada e vendido nos mercados públicos, a capitalização pode ser usada como indicador do patrimônio líquido do activo e é um fator determinante em algumas formas de avaliação. A capitalização de mercado é usada pela comunidade de investimento para o ranking do tamanho dos activos.  Market Cap = Preço X Circulating Supply.
  • A LEI DA OFERTA E DA PROCURA - Como qualquer mercado, a lei da oferta e da procura interfere no valor das criptomoedas.
  • O AUMENTO DO NÚMERO DE CARTEIRAS DIGITAIS - Com o aumento do número de endereços criados, é possível ter uma ideia de que mais pessoas estão procurando os aplicativos e usando as criptomoedas, fazendo com que o seu valor aumente devido a procura.
  • A ACEITAÇÃO PELO MERCADO - O valor também é influenciado pela sua aceitação do mercado.
  • O AUMENTO NO NÚMERO DE CARTEIRAS DIGITAIS - Pelo o aumento do número de carteiras existentes é possível ter a noção do crescimento e número de pessoas que estão a utilizar criptomoedas.
  • O PAPEL DO MERCADO - Apesar das criptomoedas atuarem de forma independente não estão completamente alheias ao mercado. O seu valor também difere conforme a atuação e a situação do panorama financeiro mundial.
O suprimento em circulação (Circulating Supply) é uma aproximação do número atual de moedas em circulação nas mãos do público em geral. O Suprimento total (Total supply) é a quantidade total de moedas existentes num determinado  momento menos as moedas que foram queimadas em PoB. O Fornecimento máximo (Max supply) é a aproximação da quantidade máxima de moedas que hão de existir, num determinado tempo de vida.
Circulating Supply é uma maneira de determinar a capitalização do mercado. As moedas que estão reservadas do mercado público são moedas que não podem influenciar o preço, portanto também não prejudicam a capitalização de mercado. 
A moeda é uma criptografia que pode operar de forma independente dentro da blockchain, é um meio de troca de bens e serviços que usa a criptografia  para controlar a criação de novas unidades e para manter as transacções seguras. Os tokens atualmente e maioritariamente existem na blockchain da ethereum, que funciona como um eco-sistema para outras Dapps e consistem de duas variações:
  • Tokens de uso: São tokens que atuam como a moeda nativa em seus respectivos DAPPS. A golem é um bom exemplo disso. Se quer utilizar os serviços da golem necessita de pagar com o token da rede Golem (GNT). Embora esses tokens tenham valor monetário eles não lhe darão direitos ou privilégios específicos dentro da própria rede.
  • Token de trabalho: estes são os tokens que o identificam como uma espécie de “acionista” no DAPP. Devido a isso você tem uma palavra a dizer na direção que essa DAPP toma. Um exemplo perfeito disso são os tokens da "The" DAO. Se você fosse um detentor de um token DAO, então você teria o direito de votar no rumo específico que um DAPP pode ter.
Os critérios para uma criptomoeda a serem listados, são os seguintes: 
  • Deve ser uma criptomoeda ou um token.
  • Deve estar numa troca pública com uma API que relata o último preço negociado e volume das últimas 24 horas.
  • Deve ter um volume ( mínimo de 50k$) comercial não-zero em pelo menos uma troca suportada para que o preço possa ser determinado.
  • Classificação do limite de mercado, é necessário um número exato em circulação.
  •  
Quando não há taxas cobradas na troca, é possível que um comerciante ou bot, troque de um lado para o outro, gerando assim um volume falso.
A melhor maneira de entender como e onde comprar criptomoedas é vendo os tutoriais da Current Crypto.
O termo hold significa “guardar”.
Qualquer computador que se conecte à rede de uma criptomoeda é chamado de nó (Node). Os nós (Nodes) que aplicam completamente todas as regras das criptomoedas são chamados de nós cheios (Full Nodes). A maioria dos nós da rede são nós ligeiros(Light Nodes) em vez de nós completos. Os nós completos formam a espinha dorsal da rede.
Quando consultamos uma taxa de transação geralmente usamos um dos dois factores:
  • Os consumidores preocupam-se com a taxa total. Esta é a taxa  que paga uma transação. Este é provavelmente o número mais importante para os consumidores uma vez que eles preocupam-se com as taxas associadas as suas transações. Tal como uma transferência interbancária.
  • Os mineiros preocupam-se com a taxa por byte ou kilobyte. Esta taxa total é dividida pelo número de bytes numa transação, como 40 satoshis por byte ou 0.0000004 bitcoins por kilobyte. Esta é a medida mais importante para os mineiros. A razão pela qual eles a usam é para decidir se devem incluir na sua transação de blocos que eles tentam produzir, pois eles podem incluir apenas cerca de 1 milhão de bytes de transações em cada um dos seus blocos. Como tal, eles preferem incluir transações que pagam mais taxas por byte.
É importante reparar que o valor total de Bitcoin na sua transação não é importante para fins de cálculo da taxa. Por exemplo, se a sua transação for de 250 bytes, você irá ter que pagar a mesma taxa, seja o valor da total da transação 0,001 bitcoins ou 1 milhão de bitcoins. Para uma transação que você já enviou, você encontrará um dos números acima ou ambos os números acima em um explorador de blocos. Para as transações que ainda não enviou, você provavelmente deseja encontrar a melhor taxa por byte para garantir que sua transação confirme rapidamente. Para encontrar a taxa ideal por byte, você precisa saber o tamanho da sua transação em bytes. Infelizmente, muitas carteiras não lhe dizem quantos bytes será a sua transação antes de enviar. Em maio de 2016, os seguintes sites parecem traçar a taxa exigida, em Satoshi, per (kilo) byte necessária para obter uma transação extraído em um certo número de blocos. Note-se que todos estes algoritmos funcionam em termos de probabilidades. https://bitcoinfees.github.io/ https://statoshi.info/dashboard/db/fee-estimates http://p2sh.info/dashboard/db/fee-estimation
Cryptocurrency é basicamente um meio de troca virtual que usa uma criptomoedas para garantir suas transações e controlar a criação das unidades do sistema. Significado, a criptomoeda simplesmente representa dinheiro no mercado digital. Baseia-se em um software de código aberto, criptografia e rede. Permite que pessoas ou usuários evitem taxas ou as taxas mais baixas em comparação com os bancos. O sistema participa das transações não monetárias anônimas, garantindo simultaneamente transações seguras. A Criptomoeda está associada à Internet, com o processo de criptografia que converte informações legíveis em um código digital praticamente incontrolável. Na história, a criptografia nasceu durante a Segunda Guerra Mundial, a fim de assegurar a comunicação. Só evoluiu na nova geração, a " era digital ", com elementos da ciência de computação e da teoria matemática, para criar, uma forma de dinheiro seguro, informações e comunicações. Para maioria das pessoas, o tópico de criptografia é difícil de entender, a mecânica de gerenciamento de chaves criptográficas geralmente confunde pessoas na comunidade. Com isso, há casos em que as pessoas que compraram criptomoedas no mercado, mas, no final, os deixaram com outros, como titular. O pior cenário é que o saldo é perdido num  roubo de insider ou alguns hackers. Criptomoedas estão sujeitas ao bombear e ao  despejar(Pump and Dump) e isso é normal, é semelhante ao tostão. Porque ninguém sabe qual a resolução de escalabilidade que irá ser adotada pelas moedas, há incertezas sobre como a comunidade as irá maximizá-las. Todas as criptografia são voláteis em relação às moedas FIAT tradicionais.
Basicamente, as criptomoedas são conhecidas, por suas extremas medidas de segurança e anonimato, que são do mais alto nível. As transações feitas por este sistema, não podem ser revertidas, gastas duas vezes nem falsificadas. Nas criptomoedas as taxas são geralmente com nível mais baixo que a dos bancos, tornando-as mais confiáveis do que a moeda convencional no mercado(FIAT). A sua natureza descentralizada, significa que elas podem estar disponíveis para todos. Ao contrário dos bancos, que só têm  disponível(FIAT) para aqueles que abriram contas no banco em questão. Criptomoeda é um dinheiro de nova geração, o mercado da cripto economia, reconheceu que estas criptomoedas podem tirar lucros de alto valor, durante a noite. Mas o mesmo funciona ao contrário. As pessoas que investem em criptomoedas, devem estar conscientes da sua volatilidade no mercado, e do possível risco volátil que existe, ao comprá-las. O alto nível de anonimato das criptomoedas, faz com que os especialistas pensem, que estão associados às atividades ilegais no mercado digital, mais especificamente na Dark web. Os usuários devem ter muito cuidado ao escolher moedas para o seu portfolio e nunca dar a sua Private Key a ninguém.
Não existe um número exato de criptomoedas  existentes no ecossistema, porque o código da cryptocurrency é uma fonte de código aberto, o que significa que qualquer pessoa pode criar a sua própria versão de cryptocurrency usando apenas o código. De momento, as criptomoedas estimadas no mercado são cerca de mais de 900, juntamente com os dados incorporados nelas, que podem ser vistos na lista de moedas registradas.
A primeira criptomoeda que foi registrada nos dados digitais, foi o bitcoin, criada no final de 2009 e ainda a é melhor criptomoeda no mercado. Uma criação de criptomoedas começou a surgir na última década e agora mais de 1000 criptomoedas podem ser encontradas na internet.
  • Bitcoin: esta criptomoeda foi a primeira no ecossistema e a cryptocurrency mais comercializada até o dia de hoje. Em 2009, Satoshi Nakamoto desenvolveu o Bitcoin, um dígito misterioso onde desenvolveu uma cadeia de blocos, para registro. Possui uma capitalização de mercado de US $ 45 bilhões em 2017 de julho.
  • Ethereum: é como que o combustível das cryptocurrencies, sendo em si uma plataforma descentralizada que gere contratos inteligentes (Smart Contracts), que são executados exatamente como são programados, sem Downtime nos servidores, censura, fraude ou interferência de terceiros.
  • Ripple: uma criptomoeda que usa um ledger distribuído e foi criado em 2012. Ripple possui uma característica para rastrear uma transação completa. Ripple foi usado por UBS e Santander, possui uma capitalização de mercado de mais de US $ 6,3 bilhões.
  • Litecoin: é a Altcoin mais conhecida derivada a partir de uma bifurcação do Bitcoin. é uma criptomoeda peer-to-peer que teve o seu código- fonte bifurcado mais vezes, seguido do próprio Bitcoin. Lançado oficialmente em 13 de Outubro de 2011, e possui poucas variações em relação ao Bitcoin.
Altcoins são criptomoedas alternativas ao Bitcoin. A maioria dos Altcoins surgiram a partir de bifurcações (do inglês: fork) do código-fonte do Bitcoin, com o intuito de modificar alguns parâmetros internos da rede do Bitcoin ou adicionar novas features, a depender do objectivo de cada Altcoin. Actualmente, existem quase 1500+ moedas digitais alternativas ao Bitcoin, que somente irei vos dar informação sobre as principais e mais usuais no mercado de trocas e câmbios.
Isso depende de alguns fatores. Mas, em geral, se o tipo de cryptocurrency foi recentemente introduzido no mercado, o poder de computação necessário para minar a moeda é obviamente baixo em comparação com a moeda criptográfica altamente estabelecida no mercado. Estas são listas em que você pode adquirir uma moeda de criptografia.
  • Aceitar o pagamento de certos bens e serviços oferecidos no mercado.
  • Comprar moedas específicas em permutadores legítimos on-line.
  • Simplesmente trocando moedas por alguém que conhece ou algum que esteja perto de você.
  • Ganhando-o simplesmente minando.
Mineração de Bitcoin - É o processo de registro das transações na blockchain, onde é armazenado em cadeia de blocos, os registros. A Blockchain confirma transações, para a rede, de forma a ter conhecimento dos registos efectuados. A rede da Bitcoin necessita da Blockchain para o registro de transações e de todas as moedas enviadas/recebidas, assim como  moedas gastas. O minério requer recursos, que são um pouco dispendiosos, pois o número de blocos encontrados por dia permanece e deve de ser contínuo. Blocos individuais contêm uma prova para serem válidos. Esta prova é verificada por outros nós da Bitcoin, uma vez que eles recebem um bloco. A Bitcoin usa a função hash como recompensa de prova (hashcash proof-of-work function). O essencial da mineração é permitir aos nós da rede Bitcoin, alcançar unanimidade segura e inviolável. Minerar é também um mecanismo usado para introduzir novas moedas na rede. Os Mineradores recebem taxas de transação e uma percentagem das novas moedas criadas. Ambos com o propósito de procurar novas moedas de uma maneira descentralizada para motivar os mineiros e garantir a segurança no sistema. A mineração do Bitcoin assemelha-se com a mineração de outros recursos,: requer esforço, gastos e é bastante demorada, fazendo com que a moeda fique disponível a uma taxa idêntica a taxa de recursos como ouro.
Porque a maioria das pessoas acreditava que é lucrativo. Qualquer um tem a opção de minar suas moedas ou simplesmente investir nelas. O ecossistema em expansão oferece múltiplas oportunidades com a possibilidade de duplicar ou até mais seus ativos. O que foi mais convincente foi que o valor da criptomoeda é avaliado e reavaliado constantemente à medida que mais pessoas se juntam à rede. No início, a revolução da criptomoeda estava em um investimento inicial de 100 $ que poderia trazer centenas ou mesmo milhares em lucros. Até essa data, esse tipo de oportunidade ainda está disponível.
A Carteira (wallet) armazena a informação necessária para que uma transacção possa ocorrer. Mas são descritas, habitualmente, como um lugar para guardar, armazenar ou carregar Bitcoins, no entanto devido à natureza do sistema (P2P) os bitcoins são inseparáveis da Blockchain, eles nunca saem de lá, apenas são guardado em locais específicos (wallets) que pode utilizar directamente no seu pc, hardware próprio ou podem estar em cloud(Coinbase, Xapo, etc).
Um mercado e câmbio de criptomoedas são ambos um serviço na web, permitindo que o titular de um token, comercialize para uma outra moeda em seu sistema. De acordo com o registro, existem mais de 2000 casas de câmbio de criptomoedas no ecossistema, entre as maiores estão o Bitstamp, Cryptsy e Coinbase.
O valor da criptomoedas são classificados em um valor ou uma unidade de vezes e os custos de troca para comprar é igual a capitalização no mercado. Por exemplo, 1 moeda Steem vale US $ 1,50 no Poloniex, esta taxa foi no mês anterior. Mas o preço pode se mover a qualquer momento, a capitalização de mercado é apenas uma estimativa do valor global da moeda digital.
Com a capacidade de transferir imediatamente o dinheiro em apenas uma questão de segundos para qualquer pessoa em qualquer parte do mundo a partir de sua carteira sem taxas ou com taxas mais baixas. As moedas digitais permitem gastar e receber, 20 vezes mais fácil em comparação com as transferências bancárias tradicionais, Western Union e Paypal. As moedas digitais são como o dinheiro real, o que significa que pode ser usado para pagar bens e serviços, alguns comerciantes preferem receber em criptomoedas. Porque em cryptocurrency os pagamentos são enviados, não há chances de o remetente conseguir recuperá-lo após o envio em comparação com o PayPal ou Strip, no qual o cliente pode executar um reembolso em que os comerciantes perdem os fundos.
A melhor criptomoeda para comprar é aquela em que se deseja manter, independentemente se o valor desce ou sobe. Acredito que o Bitcoin é o tipo de criptomoeda que estou disposto a manter, mesmo que ele desça totalmente e tenha que comprar mais.
O melhor momento para vender uma criptomoeda é quando você obtém um aumento de 25% na compra original da sua moeda. Se cair, a opção é segurar e aguardar até voltar ao preço mais alto(Hold). Conforme mencionado criptomoedas são extremamente voláteis, você pode perder 95% dos seus recursos a qualquer momento ou ganhar 95%.
Quando é o momento certo para investir? A melhor estratégia que as pessoas mais bem sucedidas fizeram, foi consistentemente investir ao longo do tempo, esta estratégia minimiza o forte impacto dos preços voláteis. Por exemplo, você quer investir no Monero, mas não tem a idéia se essa moeda vai cair nos próximos dias, comprar todas as semanas em vez de comprá-las de uma só vez é a maneira ideal porque você terá uma faixa de as mudanças no mercado, e com esta estratégia você irá ter maiores possibilidades de obter um bom negócio. Resumindo, investir no tempo é certo, porque isso ajuda você a ajustar os altos e baixos dos preços com eficácia.
A maioria das pessoas na comunidade das criptomoedas do mercado digital estavam fortemente confiantes sobre a SEC ou a Securities and Exchange Commission dos Estados Unidos em sua decisão positiva de impulsionar o preço do BTC, permitindo que ele atinja alto registro. Depois que a SEC internacional anunciou sua decisão sobre a rejeição da proposta de Winklevoss que afetou o Bitcoin e outras criptomoedas no mercado, mas em sua primeira queda, a maioria das moedas digitais estão apresentaram registros ultra-altos no ecossistema.
Bitcoin, a primeira moeda no mercado digital, passou de sensação única dos mídia por alguns anos. Mas, em sua sequência, uma estimativa de mais de 800 novas criptomoedas surgiram no mercado digital, assim como os cogumelos após uma forte tempestade. Apenas algumas alternativas o Bitcoin podem ser consideradas legítimo. Todos os outros podem ser considerados apenas um cogumelo tradicional que foram usados principalmente como alimentos do ecossistema.
É muito compreensível ter esta questão em relação à sua legalidade, por exemplo, usando Bitcoin. Esta plataforma introduziu um novo paradigma que está longe das regulamentações e reguladores tradicionais que são governados pela moeda fiat. Não como dinheiro falso, ilegal, o que é um exemplo flagrante de "moeda" que se inclina como legal, concurso. Mas BTC é totalmente diferente. Ele opera em uma área ostensivamente cinzenta quando se fala sobre regulamentação. Mas todas essas questões se resumem devido à falta de regras que governam uma criptomoeda como o Bitcoin, Ethereum, etc., e não a violação da lei em rigor. Todas as perguntas sobre criptomoedas e leis dependem de como essas moeda digital no ecossistema, está a ser utilizada no mercado. Por exemplo, os reguladores de Bitcoin têm se preocupar com o seu semi-anonimato e sua natureza descentralizada no mercado digital. Não apenas nos Estados Unidos, mas na mesma situação em relação aos outros países, as autoridades temem que o sistema possa ser usado ou já tenha sido usado para atividades de lavagem de dinheiro e a compra de bens proibidos sem ter sido rastreado. Essas atividades não estão ajudando a reputação do Bitcoin com os estabelecimentos que eram a favor de usá-lo como principal fonte de pagamento para bens e serviços no mercado digital, nos quais os clientes adquiram bens ilegais. Se as pessoas usam Bitcoin ou não, sempre que seja para participar em atividades ilegais, será sempre considerado ilegal. A questão aqui é a ilegalidade da atividade, se você pagou algo em dinheiro, ouro, Bitcoin ou qualquer outra forma de moeda é irrelevante. De acordo com a rede do Departamento de Tesouraria dos EUA. A partir de 2013, a compra de bens e serviços de legítimos usando criptomoedas como o Bitcoin não é ilegal. Mas aquelas pessoas ou organização que minam o Bitcoins e depois os trocam por uma moeda tradicional ou estabelecem serviços de câmbio em que a BTC são comprados e vendidos são considerados como transmissores de dinheiro e podem estar sujeitos a leis especiais que regem sobre essas atividades. A legalidade dessas criptomoedas, por exemplo Bitcoin, é vista de forma diferente por especialistas, mas uma coisa que é certa, desde que não estejam conectadas a atividades ilícitas, então você não precisa se preocupar com isso. Essas criptomoedas não existem na lista de moedas de lista sancionadas, seu status poderia colocar um usuário em risco, mas sem violar qualquer lei.
A cada dia de cada ano as criptomoedas está sendo conhecidas pelas pessoas, é claro que é feito para trocar informações seguras, no ano de 2009 foi criada a primeira criptomoeda conhecida por Bitcoin. Nos anos seguintes, as novas criptomoedas que se surgem, nomeadamente, Dash, Ripple, Litecoin, etc. Mas entre a lista de criptomoedas no mercado, o Bitcoin ainda não foi ultrapassado. Essas criptomoedas são, obviamente, seguras e cada vez mais as pessoas confiam nisso, isto é por causa de seu recurso descentralizado, a transparência e como o sistema funciona. Quase mais de três milhões de usuários do Bitcoin estão no mercado agora, a maioria está fazendo investimentos na referida moeda. Mesmo que haja risco ao investir nessa moeda, devido à sua flutuação, existem cerca de mais de 6.000 empresas e organizações que aceitam os pagamentos em Bitcoin. Uma das razões pelas quais devemos considerar a criptomoeda segura é que o titular da carteira ou comprador não precisa de informações detalhadas de identificação, como números de cartões de crédito etc. Isso só garante que você não seja conhecido por autoridades centrais. A partir de agora, espera-se que a moeda criptográfica, como o Bitcoin, se torne numa ponte para pagamentos seguros e se expanda mais.
As Criptomoedas tem muitos benefícios. Basicamente, é a melhor alternativa para qualquer transação e até investimento. Na criptomoeda, você pode até abrir uma conta usando dados falsos apenas para se certificar e garantir que seus dados pessoais não serão incorporados à sua conta durante o negócio. Tudo na cryptocurrency funciona em códigos. Criptomoedas como Monero, são mais seguro e 99,9 por cento indetectavel. E há uma maneira fácil de obter criptomoedas, negociando na troca de plataformas no mercado.
Como continuamos a dizer, as criptomoedas são um sistema de pagamentos descentralizado no qual permite que o seu usuário troque as moedas sem a ajuda ou o envolvimento de uma instituição financeira. Possui um soberbo sistema de autenticação e o design único para enviar o pagamento quase instantâneo, ao menor custo, em qualquer lugar do mundo. Portanto, a resposta a pergunta é, obviamente que sim! Enviar pagamentos via criptomoedas é simples e rápido, basta fazer o login em sua carteira no computador com conexão à internet e enviar imediatamente os fundos para quem deseja enviar. Cada conta não tem fronteiras geográficas e não usa os regulamentos do país, devemos dizer que esta é a maneira mais fácil de mover seus bens em todo o mundo. A transação acabou, o receptor pode verificar sua carteira e ir para outra transação. Quando a transação for concluída, irá demorar apenas 3 segundos para 50 minutos para serem confirmadas e as moedas serão recebidas. Só precisa de pelo menos de 6 confirmações antes da transação estar totalmente processada. Rápido e simples, certo? O custo da transação também é baixo para cerca de 0,30% de taxa.
Todas as criptomoedas são basicamente moedas criadas por computador. Elas são criadas com a "mineração" como sua principal função, seu objetivo é confirmar o registro de movimentos e associar as contas conhecidas na cadeia de blocos. As moedas são fornecidas aos mineiros que completaram com sucesso um problema. É criado novas criptomoedas, elas são armazenados em uma carteira completamente segura que é impossível de hackear. As moedas podem então ser enviadas para outra carteira. Toda transação é anexada ao bloco e verificada pela atividade de mineração no ecossistema. Produzir essas moedas não significa que sejam ilimitadas, o que significa que elas são limitadas e sua velocidade de geração da moeda é variável. Em primeiro lugar, será rápido e, a longo prazo, torna-se mais lento. No caso do Bitcoin, já se sabe que o valor de suas moedas é agora recorde, e à medida que a rede se expande. Mais e mais usuários competem em minério de moedas similares, o que significa que o preço das moedas aumentam.
Há muitas coisas a dizer sobre criptomoedas, mas geralmente são divididas em:
  • Completamente descentralizada - "Descentralização", é a palavra mais comum usada no espaço da cripto economia, e muitas vezes são vistas como cadeias de blocos, que ninguém controla.
  • Recursos digitais fornecidos por algo ou alguém - um recurso que é apenas fornecido para um usuário.
  • Moedas duvidosas são controladas e criadas por uma empresa, mas não são suportadas pela comunidade.
Embora a maioria das criptomoedas no mercado seja relativamente nova, as oportunidades para um jogador com potencial se juntar à criação de uma boa moeda, ainda está em jogo. Para os seguidores de criptos, novas criptomoedas no mercado não é nada de novo. Mas, estas oportunidades são apenas temporárias e não irão durar para sempre, embora o mercado amadureça, será sempre mais difícil para o novo jogador entrar no jogo e receber dinheiro com isso.
Quando se solicita ou se refer kyc, é uma norma que as instituições financeiras e outras empresas reguladas devem realizar para verificar informações relevantes de seus clientes com a finalidade de fazer negócios com eles. O termo também é usado para se referir ao regulamento bancário que rege essas atividades. Os processos Know Your Customer também são usados por empresas com a finalidade de garantir a conformidade de seus parceiros, consultores ou distribuidores evitando subornos. Os bancos, as seguradoras e as agências de crédito exigem cada vez mais que os clientes forneçam informações detalhadas sobre a devida diligência, para verificar sua  integridade.
Conheça o cliente (KYC) com responsabilidade de cada instituição financeira e / ou empresa regulada. Os regulamentos exigem que essas entidades adotem procedimentos KYC. Ele ajudam a conhecer e entender os clientes e todos os negócios financeiros. Para realizar suas transações para identificação e prevenção de transações suspeitas. RECOMENDAÇÕES KYC Os KYC normalmente incluem o seguinte: - Recolha e análise de informações de identidade básicas (referidas nos regulamentos dos EUA e prática de um "Programa de Identificação do Cliente" ou CIP) - Correspondência de nome contra listas de partes conhecidas (como "pessoa politicamente exposta" ou PEP) - Determinação do risco do cliente em termos de propensão para cometer lavagem de dinheiro, financiamento do terrorismo ou roubo de identidade - Criação de uma expectativa do comportamento transacional de um cliente - Monitoramento das transações de um cliente em relação ao seu comportamento esperado e perfil registrado.  Os regulamentos do KYC são locais e diferem de país para país. A jurisdição também é, em um país para país. Para saber mais sobre seu país específico, visite: http://kycmap.com TROCAS E BITCOINS POLÍTICAS Kyc mais restritas: Bitstamp - https://www.bitstamp.net/privacy-policy/ Bitfinex - https://www.bitfinex.com/páginas/tos  ou consulte as perguntas para compliance@bitfinex.com BTCChina (somente desde a nova orientação do PBOC, dezembro de 2013) (link?) Cavirtex - https://www.cavirtex.com/faq Coinbase - https://coinbase.com/legal/privacy Kraken - https://www.kraken.com/legal/verification (conselheiro geral, Constance Choi é um especialista bem conhecido no campo Regulamentação e Compliance) Cryptonit - https://cryptonit.net/regulations